Na procura da Felicidade vou, passo a passo, até ao fim do arco-iris
Sexta-feira, 11 de Janeiro de 2008
Ao meus amigos

Não tenho tido muito tempo para me dedicar ao meu blog. Deve-se tudo à falta de tempo. E também ao facto de utilizar o pouco tempo que tenho a ver e a comentar o blogs dos meus amigos. Mas não dou o tempo por mal gasto porque tenho lido coisas fantásticas, que me fazem sonhar, que me fazem pensar. E acabo, muitas das vezes por, num comentário, escrever tanto que acabo por não ter tempo para entrar no meu blog.

Tenho aqui conhecido pessoas maravilhosas, já o escrevi mais de uma vez. E quando penso que não vou conhecer mais ninguém aparece mais um blog que me apaixona. Pessoas que de outra forma não teria oportunidade de conhecer. E o que eu estaria a perder!

Com todos, de uma maneira ou de outra, tenho criado laços fortes. Encontro afinidades, semelhanças no modo de ser e de pensar, eu que, em algumas coisas, me achava uma raridade, como se não existisse mais ninguém no mundo a pensar e a fazer desta ou daquela maneira.

Às vezes penso que gostaria de passar do virtual ao real, de me dar a conhecer de uma forma física, de me encontrar com eles e falar olhos nos olhos. Mas sinto um enorme medo de perder esta magia do virtual.

Meus amigos, mesmo que um dia deixe de escrever aqui, por falta de tempo, por desilusão ou desencanto, nunca vou deixar de procurar saber o que vocês dizem, o que vocês sentem. E de dar a minha opinião.

Gosto de todos e sinto como se os conhecesse há muitos anos.


estou: Feliz

publicado por nofimdoarcoiris às 13:54
link do post | diz-me | favorito

11 comentários:
De guiga a 11 de Janeiro de 2008 às 15:43
Que lindo post! :)
Adorei e reconheci-me em algumas das palavras. Acho que estas amizades são mágicas por isso mesmo, pelo contexto mágico em que estamos inseridos. Virtualmente conhecemo-nos muitos mais do que se nos conhecessemos pessoalmente. Acredito que muitas vezes ganhamos mais assim. Porém, nunca deixarei de precisar do contacto directo, do olhar nos olhos, do sentir o cheiro da pessoal, do ver o sorriso.
Considera-me uma amiga!
Beijos *.*

E, bom fim-de-semana!


De nofimdoarcoiris a 11 de Janeiro de 2008 às 16:09
Um óptimo fim-de-semana amiga.
Beijinhos


De Lua de Sol a 11 de Janeiro de 2008 às 16:41
Obrigado por andares sempre perto... Eu também te considero minha amiga...
Sabes que tenho pensado bastante no que dizes sobre os amigos virtuais... Nunca imaginei que se fizessem amigos assim, costumava até ver isto da net como o tal Big Brother... Mas agora sinto que é verdade, que é possível... desde que as pessoas sejam educadas, respeitosas, interessadas e se mostrem como são, porque assim as ficamos realmente a conhecer. O mais curioso é que acho que é bem mais fácil sermos o que somos aqui e por isso encontrarmos pessoas de quem realmente gostamos. somos mais verdadeiros. Às vezes, sentia esse receio - e sinto - de conhecer quem está por trás do teclado. Por questões de necessidade, acabei por conhecer realmente um amigo virtual e a magia não se quebrou... mantém-se. Acho que porque era pura e autêntica. Também penso que terá a ver com tempos de partilha, de conhecimento, de confiança... E talvez sensatamente a magia não se perda... Não sei. Mas uma coisa gostei: continuei a ter a tal amizade virtual... É que ultimamente, com as vidas que levamos, partilhamos mais com os amigos virtuais do que com os reais, que só vemos de tempos a tempos...
Adorei este teu testemunho. Penso assim... Afinal, há mais, não sou a única! hehe!

Muitos beijinhos, tens aqui uma amiga...


De Migas a 11 de Janeiro de 2008 às 22:49
uando comecei o meu blog nunca pensei que acabasse por conhecer tanta gente interessante. sempre pensei que só andassem por aqui miudos a passar o tempo ou tarados... mas não! Encontrei pessoas espectaculares, com quem me identifico, com quem posso partilhar o que me vai na alma. Mas penso que a barreira do virtual dificilmente irei transpor. Por opção. Tanto que só uma amiga e o meu marido sabem da existencia do blog. É o meu cantinho...
Mas na nossa vida há lugar para tudo. Para os amigos de sempre, para os novos amigos, para os amigos da net... o importante é que consigamos criar laços e mantê-los. Esse é o grande desafio no corre-corre que é a nossa vida.
Beijinhos


De carlos a 11 de Janeiro de 2008 às 23:29
Concordo em tudo, estes amigos virtuais são verdadeiros amigos.Para mim foram essenciais numa certa fase, tu foste ume dessas amigas.Que com muito carinho,coragem e atenção me dedicaram algumas palavras, dispenderam algum do seu tempo comigo.Eu nunca vou esuqecer estes amigos do virtual.Aqui sou eu, a 100% sem qualquer máscara, sem me esconder de nada e foi aqui que tive algumas das maiores provas de amizade.Confesso que este mistério do virtual é delicioso, mas já passei do virtual com duas pessoas, e com uma não me arrependo nada, mesmo nada. Um beijinho grande e espero que vás escrevendo por aqui, nunca me esqueço da tua força e apoio quando precisei.


De Diogo Pereira a 12 de Janeiro de 2008 às 04:45
Como te percebo..

Os amigos não deixam tempo nenhum para postar.

Aliás, acho que vou fazer de alguns comentários meus em blogs de amigos, os meus próprios posts.

Um beijo


De daplanicie a 13 de Janeiro de 2008 às 15:44
Gostei muito deste teu post onde falas de coisas que eu também sinto. Eu não teria conseguido escrever com tanta clareza como tu.
Beijinho


De cigana a 14 de Janeiro de 2008 às 00:01
Como eu te compreendo...Parece que agora me sentia incompleta sem os meus amigos virtuais, que passaram a ocupar um lugar de peso na minha vida!
Mas não conheço nenhum deles, tenho medo que se quebre a magia, como tu.


De in_certezas a 14 de Janeiro de 2008 às 08:11
Bom dia,
A facilidade com que aqui se fazem amizades parece-me a mim que é pelo facto de estarmos abertos a novas opiniões sem estar de pé atrás ..
Existe de tudo, bom e mau... comentários desagradáveis e outros tão francos que nos levam a nunca perder a fá no ser humano, eu por mim falo (estou apaixonada por este admirável mundo novo).
( Tem me roubado algumas horas de trabalho)
Acredito que sim, com algumas pessoas a realidade ia perder o encanto mas de certeza que outras só me poderiam surpreender pela positiva .
Virtuais ou não os amigos é a melhor coisa do mundo.

Beijoca
Paula


De Estupefacta a 14 de Janeiro de 2008 às 21:16
Por incrível que te possa parecer, revejo-me em cada uma das palavras que escreveste. Não me imagino sem os meus amigos virtuais e tão reais ao mesmo tempo.
Tenho conhecido gente maravilhosa aqui na blogosfera , gente que tem alma.
É um prazer sentir-me tua amiga .
Um grande beijinho


De Pegadas a 15 de Janeiro de 2008 às 14:47
Tens toda a razão! Este é um mundo nov surpreendente e quase viciante. Mas, por favor, não deixes de escrever. O teu blog para mim é uma espécie de lufada de ar fresco, um lugar sereno e tranquilo por onde gosto de parar! Não nos prives disse, ok?
bjts


Comentar post

aqui estou eu
pesquisar
 
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Em jeito de despedida

Viver à Pressa

FELIZ NATAL

Roupa de criança

De volta

Férias

Perguntas ainda sem respo...

Mais um fim-de-semana

Delícias

potes
gosto

Diário de um Homem Sozinh...

Hoje e sempre

Sejam Bem-vindos

FELICIDADE

Antes só do que mal acomp...

Eu, aqui, agora, ontem, u...

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds