Na procura da Felicidade vou, passo a passo, até ao fim do arco-iris
Terça-feira, 21 de Agosto de 2007
Amores passados mas ainda presentes

Ao comentar um post do amigo rcarlos recordei-me, com alguma intensidade, de momentos que passei há vários anos atrás, e em que fiz um corte, um pouco desajeitado, numa relação que durou cerca de 6 anos. E digo corte desajeitado porque o fiz da pior maneira.

Decidi terminar essa relação quando me apercebi de que não iria ser feliz com essa pessoa, apesar de a amar. Mas éramos ambos muito inseguros, ambos com problemas e traumas adquiridos na infância (ele tinha um grave sentimento de inferioridade, nomeadamente em relação a mim) e necessitávamos de uma pessoa forte ao nosso lado. E quando ele me começou a falar de uma relação mais séria (vivermos juntos) senti que não era o melhor para os dois.

Conhecia-o bem, sabia que ele não ia aceitar da melhor maneira e que, se ele insistisse, eu ia voltar atrás na minha decisão, não ia ter forças para me afastar dele. Assim "inventei" que havia outra pessoa! E arrependi-me imensamente. Não de ter terminado mas sim da mentira. Porque o fiz sofrer muito. Porque o vi chorar. Porque soube através de terceiros que ele passou um mau bocado. Ele tentou várias vezes retomar mas eu mantive-me firme na minha posição porque a mentira acabou me dar forças.

Reencontrámo-nos várias vezes depois disso e foi sempre difícil para mim, porque eu gostava bastante dele e achava que talvez fosse possível manter pelo menos uma amizade. Que ilusão! Como poderia ser amiga dele se o tinha magoado daquela forma.

Durante todos estes anos nunca deixei de pensar nele, como seria a sua vida, seria feliz? Sonhei várias vezes com ele.

Há cerca de um ano, num reencontro de ex-colegas da faculdade (andámos a estudar juntos) voltámos a encontrar-nos. Falámos e senti que já não havia ressentimentos. Trocámos contactos, já nos encontrámos por duas vezes, falámos um pouco sobre o passado, enviámos sms e mails , e agora sim, sinto que temos condições para sermos amigos.

Consegui sossegar a minha consciência e sinto-me melhor comigo própria.


estou: Tranquila

publicado por nofimdoarcoiris às 13:45
link do post | diz-me | favorito

aqui estou eu
pesquisar
 
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Em jeito de despedida

Viver à Pressa

FELIZ NATAL

Roupa de criança

De volta

Férias

Perguntas ainda sem respo...

Mais um fim-de-semana

Delícias

potes
gosto

Diário de um Homem Sozinh...

Hoje e sempre

Sejam Bem-vindos

FELICIDADE

Antes só do que mal acomp...

Eu, aqui, agora, ontem, u...

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds