Na procura da Felicidade vou, passo a passo, até ao fim do arco-iris
Sexta-feira, 27 de Junho de 2008

Hoje vou estar só para jantar. O meu marido foi a um jantar de amigos de infância que se realiza com alguma regularidade. Já chegou a ser mensal mas agora, face à crise que muitos atravessam, é quando dá jeito!

A filhota está, como em todas as sextas, no curso de teatro. Agora estão a preparar uma apresentação que vão fazer aos familiares e amigos daqui por 2 semanas.

E aqui estou eu sem saber o que fazer quando fico só . Às vezes apetece ter uns momentos assim. Mas quando acontecem fico sem saber o que fazer.

Pensei em comprar uns caracóis e petiscar mas detesto comer caracóis sem companhia. Vou então preparar uma salada light, sem muitas calorias. O calor não pede mais.

Vou aproveitar e vou passar parte do tempo a ver a Fox Crime. Nunca posso ver porque há sempre quem queira ver outras coisas e televisões só tenho 2 (somos 3!!!).

 

Aproveitei também para vir até aqui escrever um pouco. Nada que tenha muito interesse. No fundo apenas interessa a mim, mas esta foi uma das razões pelas quais este blog foi criado. Para que eu possa escrever o que me vai na cabeça, em qualquer altura...

 

Hoje senti-me um pouco só no trabalho. Não sei porquê mas senti necessidade de falar com alguém, nem que fosse alguma baboseira. Mas! Felizmente arranjei companhia para o almoço. Às vezes almoço só porque quero, porque tenho vontade de ficar comigo. Mas hoje estava a precisar muito de companhia. Almocei com os miúdos da informática. Chamo-lhes miúdos porque têm todos menos 20 anos que eu.

Divirto-me com eles. São simpáticos, todos cheios de sonhos. Quando estou com eles é como se perdesse alguns anos. E sinto que, às tantas, eles acabam por esquecer a nossa diferença de idade. Hoje estivemos a falar sobre exames, cábulas, directas, baldas, etc. Foi giro recordar que fui como eles, apesar de agora transmitir à minha filha alguma responsabilidade. Tem de ser! Mas ainda assim não fui das piores. Tirei sempre notas razoáveis e não era muito baldas. Só no 1º ano da Faculdade é que "tropecei". Foi a mudança de ares, o ver-me livre e sem controlo pela primeira vez.

Falámos também de jogos, do vicio em que alguns se tornam. Lembrei-me de quando, após jogar muitas vezes o Tetris, sempre que fechava os olhos só via peças a caírem e a encaixarem umas nas outras. Que loucura!

 

Bem, vou preparar a saladinha porque a fomita está a chegar.


estou: sem saber o que fazer

publicado por nofimdoarcoiris às 19:54
link do post | diz-me | favorito

4 comentários:
De Migas a 28 de Junho de 2008 às 00:33
Ai amiga!!! Que inveja... eu tenho tantas saudades de um tempinho assim só para mim...
Com o tempo lá chegarei....
Beijinho grande


De nofimdoarcoiris a 7 de Julho de 2008 às 13:59
Raramente tenho tempo para mim. Mas quando tenho não sei aproveita-lo.
Beijinhos


De Infiel a 29 de Junho de 2008 às 14:16

só????
estas sempre com a tua melhor amiga, cuida dela, da-lhe mimos e dança, espreguiça-te em vez de olhares para a TV a pensar em nada

Juizo

joquinhas


De nofimdoarcoiris a 7 de Julho de 2008 às 14:01
Precisava de te ter sempre por perto. De certeza que não me deixavas descarrilar!
Bjs


Comentar post

aqui estou eu
pesquisar
 
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Em jeito de despedida

Viver à Pressa

FELIZ NATAL

Roupa de criança

De volta

Férias

Perguntas ainda sem respo...

Mais um fim-de-semana

Delícias

potes
gosto

Diário de um Homem Sozinh...

Hoje e sempre

Sejam Bem-vindos

FELICIDADE

Antes só do que mal acomp...

Eu, aqui, agora, ontem, u...

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds