Na procura da Felicidade vou, passo a passo, até ao fim do arco-iris
Quinta-feira, 20 de Março de 2008
Céu nublado mas... com abertas (o sol vai espreitando)

Como se vê eu tenho estado como o tempo nos últimos dias: umas vezes com nuvens e noutras um sol radioso. Mas mesmo com nuvens o sol atreve-se a espreitar de vez em quando.

 

Hoje só trabalhei de manhã mas foi a doer. Ontem foi um dia para esquecer. Daqueles dias em que o trabalho é muito e o meu companheiro de serviço (o meu PC) decide dar problemas: memória cheia, ficheiros que bloqueiam, o maldito this program is not responding ", etc. E os telefones a não pararem de tocar. Eu fico enervada e os meus colegas decidem dar palpites para tentarem me ajudar. Mas ainda não entenderam que quanto mais me dão palpites mais enervada eu fico porque acabam sempre por me darem soluções já pensadas e já tentadas. E, apesar da sua boa vontade, acabam por me atrapalhar em vez de ajudar!!!

 

A minha colega mais directa, ou seja, a que faz o mesmo trabalho que eu, está de férias. Mas acaba por não ser mau, pois ultimamente ela tem-me irritado bastante. Deixa sempre coisas pendentes que eu vou descobrindo aos poucos. E quando, com muita subtileza, lhe dou a entender que há algo que ela devia ter feito e não fez, oiço sempre hiii , nunca mais me lembrei". Uma vez, duas, ainda se aceita (um esquecimento todos temos, e a mim também me acontece), mas todos os dias!? Acabo muitas vezes por, sem ela dar por isso, ir emendar ou acabar o que não fez. É que ela não era assim, era até muito cuidadosa com o trabalho. Mas ultimamente (um ultimamente já longo...) está mais preocupada em ver fotos de "gajos bons" e em falar no msn do que em trabalhar. Não é que eu também não goste de ver "gajos bons". Mas há horas para tudo. E deixar o trabalho durante cerca de uma hora para isso, e em seguida levantar-se para ir à rua fumar um cigarrinho para descontrair, começa a ser demais.

Mas eu, como sempre, acabo por me aborrecer e às vezes irritar-me (interiormente), mas depois não tenho coragem para a chamar à razão. Já a conheço há muitos anos, e era a minha amiga e confidente no Banco, mas agora não consigo ter com ela uma relação igual. Ela mudou tanto!!!

 

Hoje também tenho tido o meu coração de mãe apertadinho. A minha filhota foi passear a Lisboa com um amigos. É a primeira vez que ela vai sair assim a ter que apanhar transportes públicos . Tenho confiança nela. Não é por isso que o coração está apertadinho. Mas só me apetece ligar-lhe para saber se chegou bem, se está tudo bem, se não precisa de nada, etc. Eu sei. Mãe galinha. Mas com o tempo vou-me habituando. E não lhe vou ligar porque se eu estivesse no lugar dela também não gostava que a minha mãe o fizesse (a minha mãe não me tinha deixado sair, o que é bem diferente!!! )

 

Amanhã vou ter visitas em casa. É um mau dia para dar um jantar porque são familiares que seguem à risca a tradição católica de não comer carne na sexta-feira santa e eu sou mais especialista em pratos de carne do que de peixe. Peixe só mesmo o bacalhau. Mas o maridinho teve a ideia de fazer Cataplana de Marisco. Comprou a cataplana, procurámos uma receita na net , comprámos os ingredientes, e amanhã lá vai ele para a cozinha, de avental. Quando quer é bom cozinheiro. E eu aproveito, claro está !!!

 

E estou em vésperas da minha viagem. Já estou a contar os dias. Que bem que me vai saber... E quero lá saber que esteja frio, que chova, etc. Eu vou fazer uma das coisas que mais gosto, viajar, e em boa companhia!

 


estou:
som: Les Champs-Elysées (Joe Dassin)

publicado por nofimdoarcoiris às 16:21
link do post | diz-me | favorito

6 comentários:
De Lau a 20 de Março de 2008 às 17:06
Passei só para te desejar boa viagem (que inveja...)

E Boa Páscoa também .

Beijos


De Migas a 24 de Março de 2008 às 15:50
Passei aqui só para desejar boa viagem. Dá saudades minhas à torre Eiffel!
E quando regressares queremos novidades!
Beijinhos


De guiga a 24 de Março de 2008 às 17:27
Relaxa e pensa nas férias!
E que tal a cataplana?
Beijos *.*


De daplanicie a 25 de Março de 2008 às 13:58
Parece-me que essa tua colega já descobriu quer não precisa matar-se a trabalhar porque o trabalho dela aparece feito, neste caso, por ti. :-)
E quanto à viagem...ui que inveja ( no bom sentido, claro)
Beijinhos


De Infiel a 25 de Março de 2008 às 21:54
a esta hora ja estás no ar ou já aterraste na cidade luz
mas eu desejo-te umas optimas ferias
que venhas descontraída e feliz!

boas ferias


De Estupefacta a 26 de Março de 2008 às 20:52
Ainda estás por essa cidade onde tudo é luz?
Se assim é, aproveita e volta cheia de energia.
Um grande beijinho


Comentar post

aqui estou eu
pesquisar
 
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Em jeito de despedida

Viver à Pressa

FELIZ NATAL

Roupa de criança

De volta

Férias

Perguntas ainda sem respo...

Mais um fim-de-semana

Delícias

potes
gosto

Diário de um Homem Sozinh...

Hoje e sempre

Sejam Bem-vindos

FELICIDADE

Antes só do que mal acomp...

Eu, aqui, agora, ontem, u...

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds